EXPO CONTRASTES-ESPAÇO CULTURAL DE FURNAS-2012

Primeira exposição solo de Marcelo Ment na cidade do Rio de janeiro, realizada em janeiro de 2012 no Espaço Cultural de Furnas em Botafogo, bateu todos os records de público do espaço, da abertura ao encerramento.Janeiro/Fevereiro-2012

Contrastes – Marcelo Ment

Falar de grafite é pintar a cidade. Mídia contemporânea, arte das ruas, o grafite guarda o espírito do tempo, ícone bravio do ethosurbano. Avança sobre essa cordilheira de concreto e destemido toca seus pilares cinzentos, adorna seus muros envelhecidos e trata a cidade como um campo de ação, onde os relevos não apartam, mas convocam.O grafiteiro, artista urbano por princípio, é filho dessa relação turbulenta, frenética e sensual da cidade com seus limites e, por isso, carrega sempre as tonalidades da transgressão – esse vão obtuso entre o sim e o não.

Marcelo Ment vem traçando esse embate em spray há duas décadas e nos apresenta seu pacto artístico feito com os muros, seu tributo às ruas, às cores, à polifonia das metrópoles. Aqui vemos uma espécie de tour de force, uma busca incansável para juntar todas essas cidades, todos os traços, tags, bombs que ligam a Vila da Penha a Amsterdã, a Lapa a Berlim, Ipanema a Paris. O artista traz seus contrastes à tona, traço e cor, cimento e luz, som e afonia, preto e branco, quente e frio, interior e mundo. A cidade aparece assim feita de fúria e sedução, como uma mulher de olhar lânguido, cabelos em desalinho, mas com o mundo inteiro na cabeça.

Charbelly Estrella

Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
Carrinho de compras
×